7 de jan de 2009

Peugeot podería ajudar a Ferrari com o Kers

Segundo rumores - ai, os rumores - a equipe Ferrari podería provar seu sistema Kers em uma versão de testes do protótipo do Peugeot 908RC.



As notícias partem de "fontes anônimas da F1", e essa parceria eludiria a falta de testes durante a temporada e ajudaría à Scuderia a desenvolver o novo sistema que tanto trabalho está lhe dando.

Ferrari está desenvolvendo o Kers em parceria com a Magneti-Marelli, porém devido aos problemas no desenvolvimento, ainda não há testado o sistema em pista.

O site TheF1.com, inclusive, comenta que a equipe de Maranelo estaria cogitando testar o Kers em outras categorias.

7 comentários:

Pouco provavel que a Peugeot ajudasse a Ferrari a desenvolver o que quer que fosse.
Mais provavelmente a Renault que se beneficiaria também em seus carros de rua, bem como a própria Peugeot.
A Fiat com certeza já tem seu projeto de Kers engatilhado. Aguarda só a hora certa de mostrar ao mundo.

Não vou opinar...pois fiquei uns dias, sém chegar perto de internet. Mas aos poucos vou me atualisando outra vêz! E ai dona...PRISCILLA! como foi o natal e passagém de ano?[vale para todos do blog] tudo na santa paz?

Eita!! Testa com a Peugeot, testa em outras categorias. Daqui a pouco todo mundo vai conhecer minuciosamente esse sistema KERS da Ferrari. Que vantagem há nisso?

Não tenho dúvidas que o Kers da Ferrari é o que está em um estágio de desenvolvimento muito mais avançado do que todas as outras equipes da categoria. Ainda não está em ponto de bala pra temporada, mas não deve haver tantos problemas quanto o Kers das outras escuderias, inclusive da Mclaren, que canta aos quatro ventos que já domina o sistema.

Fazem esse drama todo só para esconder o jogo e gerar polêmica. De qualquer forma, até o GP da Austrália deve sair, com ou sem ajuda da Peugeot.

Pois é, Groo. A Toyota por exemplo, que tem seu Kers para os modelos de rua bem desenvolvido, disse que nao vai dar conta de desenvolver tao bem o Kers para o F1 e, inclusive, "ameaçou" nao usá-lo esse ano. Portanto nao sei se ele lance de Kers nos carros de rua ajuda muito.

Latueiro! Tá vivo?! rs

Fim de ano foi bom. Tranquilo e bem aproveitado.;)

Aderson,
Sei que uma das categorias a testar o Kers poderia ser a A1Gp, já que a Ferrari disponibilizará os motores, mas realmente tanto teste por ali e por aqui...Sei lá.

Breiller,
Sei nao, viu...A Mclaren, com o Kers, meteu 1 seg - se nao me engano - na Ferrari 2008 híbrida, em Portugal. Mas na F1, e em se tratando de Ferrari, tudo é possível...Só o tempo dirá...Agora, também concordo que na Austrália o Kers vai estar, sim ou sim...

Bjs

Depois da "AUTOLATINA" eu não duvido de mais nada no mundo dos "busines"...

Acredito que a Mercedes esteja mais avançada do que a Ferrari no Kers, os alemães são geralmente os melhores na parte de tecnológia, principalmente em se tratando de carros. A Priscilla mora na europa e sabe bem da fama das montadoras alemãs.

Porém a Ferrari não é a FIAT, a produção é totalmente distinta, as Ferraris são quase feitas manualmente, enquanto FIAT tem no minímo uma qualidade que pode ser colocada em duvida.

A Ferrari vai testar privadamente, mesmo que tenha sido proibido os testes, em território fechado quem vai saber? E se vazar alguém vai eliminar Ferrari ou McLaren do mundial? Vão testar seus "F1´s" mais do que os outros com certeza. Dinheiro para fazer testes privados e sigilosos é o que não falta à nenhuma das duas...

Olho na BMW, eles forão os primeiros a iniciar os testes com o Kers já na temporada passada...

Abração.

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More