27 de out de 2010

Se decidirão, por fim, por um piloto?



Com 2 corridas por celebrar e com Fernando Alonso(231 pontos) podendo levar o título já no GP do Brasil, as equipes rivais já começam a pensar em um "modo rápido" de tentar levantar a taça antes que o espanhol.

Isso aconteceria se ao final se decidissem por um de seus pilotos na briga pelo Mundial:

Red Bull:
2º colocado: Mark Webber - 220 pts
4º colocado: Sebastian Vettel - 206 pts


Com o abandono dos dois carros no Gp da Coreia, a Red Bull viu a situação de seus dois pilotos, complicar.

De Webber, porque em apenas uma corrida viu a diferença a seu favor, de 14 pontos, passarem a ser 11, em favor do rival, e no caso de Vettel, depois de duas belas corridas, em Cingapura e Japão, e de ter a corrida da Coreia nas mãos para ser o novo líder do Mundial, o "0" conseguido na Coreia o deixa apenas com o 4º lugar na briga pelo título.

Após o GP coreano a Red Bull chegou a pensar em optar por um piloto, ou que é o mesmo, em uma estratégia melhor para Webber, no GP Brasil. Vettel não demorou nada em responder ao chefe da equipe Christian Horner:

"Ainda tenho oportunidade de ganhar o título. Não há nada de diferente ao passado fim de semana, por tanto não há razão alguma para mudar nada" - referindo-se a uma possível ajuda de sua parte para com Webber.

Se a equipe tivesse se decidido por Mark Webber a duas corridas atrás, o australiano, provavelmente já estaria comemorando o título.

Mclaren:
3º Lewis Hamilton - 210 pts
5º Jenson Button - 189 pts


Na equipe inglesa a situação é um pouco mais complicada que na Red Bull, mas até mesmo por isso pode ser mais fácil de resolver, se houver "boa vontade".

Me explico: 21 pontos separam Lewis Hamilton e Fernando Alonso, enquanto Jenson está a 42, o dobro que seu companheiro de equipe, estando em jogo apenas 50 pontos mais.

Dito isso, Martin Whitmarsh já pensa em uma estratégia de equipe para ajudar a Hamilton na briga pelo Mundial.

Lewis Hamilton foi o primeiro em "sugerir" uma possível ajuda de seu companheiro de equipe:
"Claramente estamos um pouco atrás, ele(Button) mais que eu. Eu estou a 21 pontos assim que devo conseguir mais pontos. Nao sei o que vai acontecer. Terá que perguntar ao Martin (Whitmarsh) e ver o que ele pensa fazer. Tudo o que eu sei é que tenho que estar o mais a frente possível e seria fantástico se Jenson estivesse comigo" - comentou Hamilton em entrevista.


A Mclaren parece ter mais fácil convencer a Jenson de que o Campeonato pra ele acabou do que a Red Bull fazer o mesmo com Vettel, até porque o alemão está a uma vitória de igualar os pontos de Alonso.

Por isso, Vettel e/ou Webber podem ser os melhores aliados de Alonso em caso de que um ou outro esteja atrás do espanhol.

Outro ponto interessante será ver como a equipe e os pilotos se desenvolvem nesse "terreno" uma vez que criticaram a forma como a Ferrari administrou sua estratégia, em seu dia, na Alemanha, e agora terão tempo para administrar a de cada um.

Mas e aí?! Irão contra seus "princípios" de deixarem seus pilotos brigarem até o final, ou se decidirão por fim por um piloto?!

O GP Brasil, como sempre, promete!

12 comentários:

A RBR só pode pensar em priorizar o Webber depois que se formar o grid. Vai que Vettel faça a pole novamente... será difícil convencê-lo a abrir para Webber caso Alonso não esteja logo atrás deles.

A Red Bull só vai se decidir por um piloto na ultima volta do GP de Abu Dhabi e vai ser pelo Sebastian Vettel mesmo que ele não esteja em condiçoes de ganhar o campeonato.

Sem querer fazer trocadilho, mas o Helmut Marko só tem olho para o Vettel naquela equipe.

Respondendo sua pergunta em relação a Red Bull: Se forem inteligentes sim, se não forem...

Concordo com o Guilherme (RJ) em alguns aspectos, só se pode fazer planos após a formação do grid...

Se Alonso está fora da prova o ideal seria vitória do Vettel e Webber em segundo, mantendo os 2 na disputa pelo título na última prova... Ou não???

Ou seria melhor vitória do Webber com Vettel em segundo, ampliando a vantagem do Webber sobre Alonso e mantendo Vettel na disputa só dependendo de si mesmo???

O fato é que são muitas variáveis e a equipe vai ter que combinar certinho tudo o que será dito no rádio antes da prova, e, principalmente, contar com a colaboração de seus pilotos para não darem uma de "desentendidos" e obrigando a equipe a apelar para o "Alonso está mais rápido do que você"!!!

Kkkkkkkkkk...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

Só que tém um porem ai meu caro...ném um dos dois pilotos se parecém com o nosso ZACA né.

A RBR pode se decidir pelo Webber, mas duvido que vá no rádio do Vettel e fale:

"Webber é mais rapido que vc. Webber é mais rapido que vc. Confirma que entendeu a mensagem???"

Isso ai é coisa de equipe amadora!!!

Vão falar que o Vettel está com problema no motor e só vai se resolver se ele abrir passagem para o Webber. kkkkkkkkkkkkkkk

"Coisa de equipe amadora???"
Equipe amadora é aquela que deixa um campeonato ganho ir pelo ralo pq não tem responsabilidade pra lutar por ele.
Alias, a Red Bull pode se dar ao luxo de perder esse campeonato pq o patrocinador da equipe é do dono da mesma.

Na Ferrari e Mclarem o buraco é mais embaixo.
As duas precisam dar satisfações ao seus patrocinadores: Santander e Vodafone.
Caso contrario o dinheiro vai pra outra equipe mais responsavel.

sei nao,a equipe red bull baba demais o Vettel,nao sei pq,pois apesar de bom piloto,periga a ser uma eterna promessa de tanta caquinha q faz nos momentos decisivos,eu axo bem mais sensato aposta no Webber,quanto ao Hamilton,tem nem oq questiona,Button ja ta fora.Agora,alguem q entende um pouco mais de mecanica,me responda uma coisa por favor,o Galvao fala muito q os pilotos q tem estilo de pilotagem mais suaves como Button,Shumi e Massa ficaram pra tras,e de pilotagem mais agressiva se deram bem,sinceramente,isso nao entra na minha cabeça,primeiro q desses quem realmente tem uma pilotagem leve eh so o Button,o Shumi pediu modificaçoes pro carro sair de traseira e nao de dianteira se nao me engano,eh um carro de estilo mais agressivo nao?e outra,se com a proibiçao de reabastecimento,o carro fica muito mais pesado,nao se benificiaria quem poupasse mais equipamento nao?ou seja,quem tivesse uma tocada mais leve.Sinceramente,axo q oq fez a diferença,eh q Alonso,Hamilton,Rosberg foram bem mais competentes q seus companheiros de equipe,nao foi muito questao de estilo e sim de competencia,oq vcs axam?

Estilo de pilotagem pode ser resumido em maneira de frear e entrada e saída de uma curva. Tem piloto que gosta de frear mais suavemente, tem outros que preferem frear de maneira mais agressiva. Tem piloto que gosta que o carro saia de traseira na saída da curva, tem piloto que gosta do carro saíndo de dianteira ou neutro. Se o carro e os pneus não casam com o estilo de pilotagem o piloto passa mais tempo brigando com carro e para manter os pneus na temperatura ideal pode ser complicado. Caso os pneus estejam tanto a cima quanto a baixo da sua temperatura ideal, os pneus vão se desgastar mais.

O Alonso em 2007 apanhou muito com os pneus novos e com os freios, mas ao final conseguiu tirar a vantagem de equipamento que o Hamilton tinha. O Button e o Massa em nenhum momento mostraram tal capacidade.

post novo por favor! pelo amor de Deus! Eu te imploro! Escreve qualquer coisa aí, mesmo que seja sobre o Alonso, mesmo que seja sobre o Yamamoto, mas ..
Ne me quitte pas, Pri!
Ne me quitte pas, Pri!
Ne me quitte pas...

hahahaaha...Calma, Tio Bernie...

As vezes tenho uns probleminhas e nao posso atender o blog como gostaria...Desculpe as moléstias de qualquer forma.

SObre o tema "estilo de conduçao": acho que sim influi um pouco. Se o piloto é mais agressivo atinge mais rapidamente o "ponto máximo" de funcionamento do pneu.
Só que ai, acho que cabe ao piloto se virar e se adaptar ao pneu.De momento só vi o Massa chorando.

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More