2 de set de 2012

GP da Bélgica

O Gp da Bélgica, disputado na pista de Spa-Francorchamps nunca defrauda. Com chuva ou sem chuva. Não é à toa que é considerado por pilotos e aficionados o melhor circuito do calendário.

Porém hoje o ganhador da prova já tinha nome e sobrenome: Jenson Button. O inglês sobrou em pista e controlou a corrida rumo à vitória.

Acidente logo na largada


Logo na largada, Romain Grosjean fez, literalmente, um "strike" em pista levando com ele mais 3 pilotos: Alonso, Hamilton e Pérez. O francês "espremeu" a Hamilton. Se tocaram e, daí pra frente, foi torcer para não ocorrer o pior. Fortíssimo o acidente, que provocou a entrada do safety-car. Falaremos sobre as punições no próximo post.

Com 4 pilotos menos na frente e se aproveitando da confusão gerada, vários foram os pilotos beneficiados. Um deles, Sebastian Vettel. O bicampeão perdeu algumas posições na largada devido ao acidente mas logo se recuperou e começou a remontar. Sem dois de seus principais adversários pelo Mundial em pista, Vettel superou a Kimi Raikkonen na estratégia e ficou com o 2º lugar, diminuindo assim a vantagem de Alonso no campeonato e subindo para a 2ª posição.

Kimi Raikkonen não achou o ritmo esperado do E20. Além disso, o finlandês optou por fazer dois pit stop's enquanto os dois primeiros fizeram apenas um. A briga pelo 3º degrau no pódio foi acirrada entre Raikkonen, Hulkenberg e Schumacher e, finalmente, foi Kimi quem garantiu o 3º lugar. O piloto da Lotus ainda não venceu mas garantiu mais um pódio na temporada e se postula, francamente, como um dos candidatos ao título de 2012.

No 4ª lugar um incansável Hulkenberg que hoje brigou de igual para igual contra os campeões do mundo. A 4ª posição alcançada é a melhor de Nico na F1.

Melhor resultado da temporada para Felipe Massa nessa temporada. O 5º lugar do brasileiro, depois de largar na 14ª posição, demonstrou o potencial do F2012 em corrida e um ótimo desempenho de Massa.


O sexto colocado foi Mark Webber que hoje sofreu com a relação de marchas muito curtas, o que lhe dificultou as tentativas de ultrapassagem. Ainda assim, bom resultado, depois de largar em 12º.

Michael Schumacher ficou com a 7ª posição em seu Gp 300 depois de estar em posições de pódio durante a corrida. Porém, o W03 segue tendo um desgaste excessivo dos pneus e hoje, Schumacher não pode manter atrás a seus rivais. Se acrescentamos que o alemão perdeu a 6ª marcha no fim da prova, o resultado não parece tao ruim.

Oitava e nona posição para Jean-Eric Vergné e Daniel Ricciardo, respectivamente. Os dois carros chegaram a rodar em 5º e 6º mas apesar de perder algumas posições, somaram 6 pontos mais para a equipe no campeonato.

Fechando o top10 de Spa, outra Force India, a de Paul di Resta. O escocês chegou a ser 4º logo após o acidente do início da prova mas rodou as 44 voltas sem Kers, devido a uma falha no sistema, antes mesmo do início da corrida. Ainda assim, Di Resta ajudou a equipe a ganhar pontos suficientes para superar a equipe Williams no campeonato e assumir a 7ª posição.

Assim terminou o GP da Bélgica:

1 – Jenson Button (GBR) - McLaren – 44 voltas 
2 – Sebastian Vettel (ALE) - Red Bull – a 13s6 
3 – Kimi Raikkonen (FIN) - Lotus – a 25s3 
4 – Nico Hulkenberg (ALE) - Force India – a 27s8 
5 – Felipe Massa (BRA) - Ferrari – a 29s8 
6 – Mark Webber (AUS) - Red Bull – a 31s2 
7 – Michael Schumacher (ALE) - Mercedes – a 53s3 
8 – Jean-Éric Vergne (FRA) - Toro Rosso – a 58s8 
9 – Daniel Ricciardo (AUS) - Toro Rosso – a 1min2s9 
10 – Paul di Resta (GBR) - Force India – a 1min3s7 
11 – Nico Rosberg (ALE) - Mercedes – a 1min5s1 
12 – Bruno Senna (BRA) - Williams – a 1min11s5 
13 – Kamui Kobayashi (JAP) - Sauber – a 1 volta 
14 – Vitaly Petrov (RUS) - Caterham – a 1 volta 
15 – Timo Glock (ALE) - Marussia – a 1 volta 
16 – Charles Pic (FRA) - Marussia – a 1 volta 
17 – Heikki Kovalainen (FIN) - Caterham – a 1 volta 
18 – Pedro de la Rosa (ESP) – HRT – a 1 volta 
19 – Narain Karthikeyan (IND) – HRT – Abandonou 
20 – Pastor Maldonado (VEN) - Williams – Abandonou 
21 – Sergio Pérez (MEX) - Sauber – Abandonou 
22 – Fernando Alonso (ESP) - Ferrari – Abandonou 
23 – Lewis Hamilton (GBR) - McLaren – Abandonou 
24 - Romain Grosjean (FRA) - Lotus – Abandonou



A Fórmula 1 volta no próximo final de semana com o GP da Itália, em Monza.

10 comentários:

Sensacional corrida.

O Button deu muita sorte nessa corrida. Mas é mais um que entra na corrida pelo título.

Merecida a punição do Grosjean.

E mais uma pérola do galvão ao confundir Raikkonen com Hakkinnen.

Para finalizar, voltei das férias com tudo!!!!!!! Ninguém me segura no Bolão!!!!!!!!!

Acredito em Deus, mas se por ventura existir anjos protetores do automobilismo, rsrsrs, hoje estavam de prontidão, afinal poderámos ter visto mortes nessa largada, afinal carros voando, não possuem direção ou freio. Erro grosseiro do Grosjean. Até mesmo Hamilton, muito arrojado, demonstrou in loco a atitude impensada do francês: crazy driver! Pra mim, após a gravidade do acidente, a corrida ficou em segundo plano...

Apesar da largada tumultuada pela lambança do Grosjean, a corrida foi boa.

De positivo, deu uma embolada no campeonato, graças a ótima recuperação do Vettel e a regularidade do Kimi.

Acho que o Button ganharia essa corrida mesmo que Alonso e Hamilton se mantivessem na corrida. O inglês ganhou com sobras.

Eu acho que ele ganhou com sobras justamente pq não tinha ninguém na cola dele. Aí foi a pilotagem habitual dele conservando pneu.

O carro do Button estava muito bem acertado para esse traçado de SPA...Mas tendo Alonso e Hamilton em plena forma na corrida? confesso que não sei se ele Button seria o vencedor. Vettel enfrentou muito transito até ficar na segunda posição..e a Lotus mostrou claramente que tava faltando uns cavalinhos a mais.

E eu me safei no bolão mais por conta da lambança do Grosjean...se não?? nem quero pensar.

Alias alguem me ajuda ai né...pediram tanto a cabeça do Grosjean por conta dessa largada primordial dele...e me lembrei que o Bruno Senna teve uma largada dessas em SPA so não lembro se 2010 ou 2011....mas não lembro de terem pedido a cabeça dele com tanta vemencia. Que coisa né. kkkkkkkkkkkkkk

Com certeza a corrida do Button foi facilitada com o strike do Grosjean, mas a preocupação do Alonso era "marcar" a RBR, especialmente ao Vettel, que é o grande rival do espanhol na busca do tri, e não chegar muito atrás do Kimi, que é um piloto perigoso guiando um carro por vezes melhor que o da Ferrari.

Alonso não é de abrir mão de ganhar corridas, mas o objetivo era chegar à frente dos carros da RBR.

O Button, a princípio, era considerado carta fora do baralho na disputa do título. E o Hamilton vem sofrendo muito com a McLaren...

#Latueiro,
O problema do B. Senna foi apenas essa largada meio que desastrada. Depois disso ele ficou na dele, largando com cautela, perdendo posições até, pra evitar uma punição mais severa da FIA.

É,....concordo Guilherme. De bobo o Bruno não tem nada.

O Maldonado tem dado um vareio no Bruno nas classificações. Na corrida, tem quase sempre levado vantagem sobre o brasileiro. Mas na pontuação geral a diferença é de apenas 5 pontos pro venezuelano. Ou seja, um só faz m*%da... o outro nem isso!

A diferença Latueiro, é que essa última do Grosjean foi a cereja do bolo de todas as barbeiradas que ele arrumou, principalmente nas largadas, ao longo desse ano.

Nem o Maldonado tah conseguindo superar o nível de barbeiragem do Grosjean.

kkkkkkkkkkk...é verdade. Dentro da pista o Bruno me provoca algumas dúvidas quanta a tão senssibilidade dele como piloto. Pois só depois da corrida foi que a equipe relatou o pneu furado nas ultimas voltas. "foi mesmo?" ou apenas pra desviar a mais um erro de calculos da equipe ou uma falata de conhecimento do piloto. Sim..pois Bruno começou a perder rendimento, mas cadê a tal senssibilidade para comunicar a equipe o problema. Ou estva esperando mais um strik nas voltas finais dos carros que estavam a frente.

Vou dizer...se o Maldonado acertar mais uma corrida apenas...a diferença pro Bruno nos pontos via as alturas novamente.

A Ferrari rasgou elogios o Massa,não pela quinta posição...mas por ele ficar a frente de Webber. Alias como Webber pode pensar em titulo se de pneus novos e carro muito melhor acertado não consegue passar pelo Bruno...resultado o Vettel mostrou a ele como se faz em dose dupla e no mesmo local.

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More