2 de mai de 2010

Fatos da Semana

Desde o término da relação "piloto-representante" entre Lewis Hamilton e seu pai, Anthony Hamilton, a carreira do piloto inglês passou a ser administrada pela equipe Mclaren, porém esta situação não agrada muito à equipe de Woking e Martin Whitmarsh já pediu para Lewis buscar um representante "imparcial e independente" e após várias ofertas, o nome que cria maior força a cada dia é o de Mika Hakkinen.


O finlandês, ex-Campeão de F1, já tem uma empresa de representação e trabalha como manager de um piloto da F3. Além disso, já havia avisado que voltaria a F1, "provavelmente" como manager.

De momento, ainda não há nada confirmado.


A "guerra" para ser o novo fornecedor de pneus para a F1 deve estar perto do fim. Digo "deve" porque as equipes necessitam saber o quanto antes o nome da nova marca para prepararem seus carros para o ano que vem.


O problema parece ser que as ofertas estão "enfrentando" as opiniões dos dirigentes das equipes. A italiana Pirelli quer entrar na disputa, mas Michelin e Avon são as preferidas: Michelin por sua experiência na F1 e Avon por seu "interessante" orçamento, 3 vezes mais barato que o da rival.


Os médicos pedem que seja investigada, imediatamente, a "publicidade subliminar" da marca Malboro na equipe Ferrari.

Oficialmente, a publicidade de marcas de cigarro está proibida na F1 desde 2005. A Ferrari "trocou" o nome Malboro por um "código de barras" - aparece no carro e no macacão dos pilotos - que só agora despertou o interesse da Comissão Européia da Saúde Pública, que afirmou ver nas "barrinhas", um tipo de marketing ilegal.

A Ferrari respondeu com uma mensagem que afirmava que "o código de barras e parte das cores do carro, e não parte de uma campanha de publicidade subliminar".
Ao invés de trabalhar na cura do câncer....



A equipe Ferrari trabalhou toda a semana passada em cima do que foi chamado pela equipe de sistema de gestão de ar - ou F-Duct da Mclaren. Na China, vimos o sistema ainda em seus primeiros testes, porém a Scuderia testou o novo sistema exaustivamente no túnel de vento e sábado, Giancarlo Fisichella foi o responsável por levar a inovação à pista.

A equipe decidirá se utilizar ou não o sistema, na sexta-feira, antes do GP da Espanha.

11 comentários:

Ai Galera expert em motor tudo na paz tava meio sumido, ta bom que nao sentiram minha falta mas eu senti a de vcs mas nao tem nada não o Latueiro fala por mim

O Lewis ta meio perdidão mesmo, prescisa de alguem com bagagem pra orienta-lo o Mika pode ser uma boa,
ja a briga por ser fornecedor de pneus acho que fica entre michelin e pirelli não vejo essa tal de Avon no papo não sei lá.
Puta velhinhos agora falar que o codigo de barra estampado na carenagem do carro vai matar ou influenciar o consumo de tabaco malborista puta que pariu viu pior que essa so O neto no Show do Esporte da Band.Acho que o Latueiro ta sendo influenciado pela imagem sublimnar no carro "vo contar pra vcs ele fuma pra caralho"

???????.....?

edu....deixa de ser exagerado né!!

Eu fumo por mim...não porque tém um código de barra ém uma FERRARI !!

Alonso: "Deixar Schumacher para trás é sempre legal"....

Os pilotos vão tirando suas casquinhas ém cima do Alemão...dai,o cara dá a volta por cima! Começam a choradeira de que ele é favorecido e tal !!!

Peraí Latueiro...

Essa frase sua aí, "dai,o cara dá a volta por cima! Começam a choradeira de que ele é favorecido e tal !!!" é ficção né???

Kkkkkkkkk...

Eu quero ver a Mercedes fazendo um carro "especial" para ele e o Rosberg continuar a "saga da verdade"!!!

Kkkkkkkkk...

E sobre a "propaganda subliminar", se ela existir a coisa é séria, pois ela funciona no subconciente, e a pessoa passa a comprar mais o produto...

Lembro que um teste em lojas de supermercado aumentou as vendas em 27% quando no meio das músicas que tocavam era introduzido (bem baixo, praticamente inaudível) a frase "eu preciso disso lá em casa"...

Mas daí para uma punição contra a Ferrari de "Jean Todt" é outros 500!!!

Kkkkkkkk...

Essa propaganda taí ja tem muito tempo. Eu não tenho a menor idéia da retorno financeiro que essa propaganda "subliminar" da Marlboro gera, se está lá por todo esse tempo algum deve ter. Mas eles vão alegar que é da Philip Morris e não da Marlboro, como está sendo feito. E vai dar em nada. Primeiro porque com certeza todos no paddock sabem que o código de barras é uma referencia a marca de cigarros. Senão foi feito nada anteriormente dificilmente irão fazer algo agora.

E fiquei decepcionado que a identificação dos pneus macios é feito com uma canetinha.

E tém mais ai,meu caro Lee? A Mercedes adiou a estreia do seu "duct`s" que é diferente de todos até agóra vistos.

Será que alguém achou que ele tava muito moderno...para os padrões aprovados??

A Mclaren por ex: É acionado com o "joelho do piloto."

Sobre os pneus tanto a Michelin quanto a Pirelli querem utilizar aros 18 na F1. O problema de se utilizar os aros 18, que alem de esteticamente feios, interefere em todo o projeto do carro, pois todo o projeto de suspensão dos carros leva em consideração que parte do efeito de absorção de impacto é feito pelos pneus, além disso, a tendência é que o carro percam em aderência com a utilização de rodas de maior polegada, ja que a deformação da banda de rodagem do pneu ficará limitada.

Eu acho q se Avon-Cooper entrou mesmo na briga é capaz dela levar, ja que seus custos são menores.

Não só os custos são menores com a Avon, são 3 vezes menores!!! Isso é muita coisa e já é a empresa preferida das "nanicas" do grid e de B. Eclestone...

Sem contar que Pirelli e Michelan querem a volta da concorrência nos pneus, o que obrigatoriamente abriria as portas da F1 para as 2 empresas...

Quanto à questão estética, acho que os aerofólios dianteiros são muito piores, e nem por isso ficaram de fora!!!

PS: questão estética do aro 18, que na minha opinião são mais bonitos...

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More