16 de set de 2009

Briatore e Symons deixam a Renault

O caso "Renaultgate" cobrou suas primeiras - e talvez únicas - vítimas: Flávio Briatore, que não precisa de apresentações e Pat Symons, diretor técnico da equipe Renault.


Em um comunicado divulgado hoje, a Renault comunica a decisão de ambos chefes:

"A equipe ING Renault F1 nao questionará as alegações formuladas recentemente pela FIA sobre o Grande Prêmio de Cingapura".

"A equipe também deseja comunicar que seu diretor geral, Flávio Briatore e seu diretor executivo de engenharia, Pat Symons, deixaram a equipe".

Com isso a Renault pretende que não haja grandes punições a equipe e na Espanha já se fala, inclusive, que o "julgamento" da FIA poderia ser cancelado.

Com esse breve comunicado não é possível saber se os dois entregaram o cargo ou se foram demitidos, mas a culpabilidade já é explícita e os interesses políticos para que Briatore demitisse também.

Dia 21 de Setembro está previsto o julgamento do caso, mas seguramente, em breve teremos "novos capítulos" dessa que, de momento , é a mais vergonhosa história da F1.

47 comentários:

A Renault fez o mesmo que a McLaren no caso da espionagem de 2007...

Livra a cara e diz que não tinha como encabrestar o chefe de equipe e suas "decisões"...

Mas não acho que o Alonso ainda está livre de algum tipo de punição... Tanto é que ele sequer foi chamado para prestar depoimento, enquanto Pat Symonds recebeu até uma "proposta indecente"...

E o Mosley declarou que as acusações partiram de Nelson Piquet (pai)... O cara continua um "limão"!!!

Kkkkkkk...

Acho que ele está livre de punições exatamente porque no final das contas será a palavra do Alonso contra a palavra do Piquet, ainda mais quando ele não teve participação direta. Sem provas concretas o Mosley não vai ficar querendo prejudicar financeiramente o Bernie Ecclestone já que a birra dele é com o Briatore. Tanto que ele foi cercando o italiano dando delação premiado para todos menos ele.

Poisé, o pai resolveu tomar uma atitude diante da derrota que é o filho, mesmo que isso significasse as portas se fecharem para a F1. Estão dizendo que a Confederação Brasileira pode decidir em punir o Nelsinho depois do julgamento. Delação premiada para quem quer fazer um depoimento voluntariamente isso não existe.

Punir Alonso de que forma?

Tirando-lhe a vitória alteraria o resultado geral da corrida e do campeonato geraria uma confusão ainda maior.

Impedindo de guiar por uma temporada seria burrice...

Não vejo como nem porque puni-lo com rigor.

E a 'ideia' da batida foi justamente tirada do GP da Alemanha/2008, onde Nelsinho conseguiu seu melhor resultado na F1 largando em 17º e chegando em 2º sem ter ultrapassado ninguém graças a um safety-car resultante de uma batida do Glock... santa ironia!!!

Numa boa, deveriam entregar o troféu da vitória ao Nico Rosberg. Independentemente de Alonso saber ou não.

A desclassificação do Alonso na prova de Cingapura não alteraria o resultado do campeonato, pelo contrário...

Como chegou em 3º lugar, L. Hamilton herdaria o 2º lugar e somaria mais 2 pontos, enquanto F. Massa (que deve ter chegado em último) não alteraria sua pontuação...

Mas eu vejo uma "possibilidade" de punição para o Alonso porque a FIA pode aproveitar a oportunidade que tem de colocar ordem na bagunça!!!

Quando o Prost bateu com o Senna em 1989 o Balestre impediu a punição ao francês e por isso foi impedida de punir o brasileiro no ano seguinte... Além disso eles eram essenciais para a F1 daqueles tempos...

Em 1994, quando surgiu o "Dick Vigarista", a F1 estava traumatizada pela fatalidade da prova de Imola (não só pelo Senna), e necessitava urgentemente do aparecimento de um novo ídolo... Pensa!!! Eles acharam que o alemão "Dick Vigarista" tinha esse perfil...

Mas agora, o Alonso pode ser o melhor piloto em atividade, mas ficou esquecido estes últimos 2 anos e não fez falta ao espetáculo... Tem Vettel, Button, Webber, L. Hamilton, Kubica, Massa e até o Barrichello (ressucitando!!!)... Será que eles não vão puni-lo por 1 ano de suspensão para colocar ordem na bagunça??? É uma possibilidade (que acho remota)...

O máximo que eles perderiam é uma das (chatíssimas) provas espanholas...

B'Hengler

No máximo não é só as provas na Espanha. Mas milhões de telespectadores da Espanha. Se não fosse o Alonso a Santander não estaria na F1. O buraco é mais embaixo.

Se o Mosley nunca deu nenhuma punição pesada e exemplar para nenhum piloto, dúvido que ele faça isso faltando um mês de mandato.

Sei não Lee...

O Santander tem um contrato recém assinado com a Ferrari que garante investimentos por 5 anos... Não é assim para cair fora...

E os "milhões" de torcedores espanhóis não ficarão tão traumatizados quantos os brasileiros após 01/maio/94... Ficarão???

Não quero dizer que isso vai acontecer, é apenas uma possibilidade... Sei lá!!! Eu, particularmente, acho que está na hora da F1 tomar vergonha na cara e começar a punir os trapaceiros... Sejam eles quem forem!!!

Puniçao pra todos os envolvidos,o Alonso tem q ser punido tbm,foi quem mais se beneficiou,pensei q tinha sido uma vitoriazinha circunstancial,mas nao,foi bem armada,rsrs

B'Hengler,

Se for assim, a FIA poderia começar tirando a metade dos títulos do Schumacher... Moral e bons costumes não combinam com F1, meu caro! E sei que você sabe disso.

E o Alonso já foi chamado pra prestar depoimento sim. Foi interrogado pelos mesmos caras que falaram com o Symons, o Briatore e os engenheiros da equipe. E até onde sei, nenhuma evidência do envolvimento direto dele no caso foi encontrada.

Os caras até podem pegá-lo como "bode expiatório", mas precisariam de acusações concretas pra isso. Depois, não acho que seriam burros de escolher o melhor piloto do grid pra essa "função".

E B'Hengler, o Alonso pode até não ter tido uma grande atuação nestes últimos dois anos, mas a sua presença na pista, por si só, já é garantia de atração. É mais ou menos como assistir um jogo do Real Madrid onde o Kaká ou o Cristiano Ronaldo tenham uma atuação "apagada"... jogando bem ou não, todos estão lá para vê-los.

Abraço!

Ficou feio mesmo pro Alonso e independente de ser punido ou não, ele era o que tinha mais moral dentre todos...tinha...agora cai em descrédito total, principalmente no meio esportivo...alegar que não sabia de nada, fala sério.... já é o segundo escandalo em que se mete... bicampeão em trapaças...desse jeito ele passa o Schumacher...fora o título que ele e o briatore ganharam com o amortecedor de massa....

Olha,sei que muito dirao que eu defendo o Alonso e blá,blá,blá, mas pensem comigo: O Alonso ano passado em Cingapura, ainda noa tinha assinado a renovaçao com a Renault. O Briatore viu aí a oportunidade para beneficiar a todos:Piquet sai feliz com a renovaçao, a Renault fica em 4º no Mundial ganhando mais grana da FIA no ano seguinte e o Alonso que nao sabia se ia ou nao ia, confirmava sua renovaçao dado o bom desempenho da equipe.

Nao vejo tao absurdo o fato dele nao saber. De qualquer forma é como disse o Lee, eles nao arriscarao jogar milhoes e milhoes de euros fora, sendo que a cabeça que o Mosley queria ele já tem, que é a do Briatore.

B'Hengler

O Alonso é patrocinado pela Santander, e isso vai ferir e muito a marca. Independentemente se tiver contrato com Ferrari e McLaren, O Bernie não vai querer um forte patrocinador com sua imagem ferida, qndo pode simplesmente deixar a questão de lado por falta de provas concretas.

O Mosley já teve a cabeça de quem queria para se juntar a ceia de Natal no final do ano.

Como o Piquet mesmo revelou uma conversa com o Briatore, para o italiano pilotos são peças do negócio. E aí a lógica da Priscilla se encaixa perfeitamente.

Não concordo com as comparações do B'Hengler...

Não há a mínima chance de Alonso ser punido, os vários argumentos comerciais já foram observados acima.
E outra, ele (Alonso) é o único Bi-Campeão Mundial do grid. Hamilton e Raikkonen não são campeões aclamados pelo público em geral. E desculpe, não há comparação do nome Alonso ao de Vettel, Button, Webber, Kubica; sem citar os brasileiros. Pergunte a uma pessoa que pouco acompanha a F1 se ela conhece Alonso ou esses promissores, ou nem tanto, pilotos.
E com relação a Schumacher em 94, apesar de ser a maior esperança da nova geração da F1, os promotores da F1 tentaram de todas as formas trazer de volta Prost e Mansell para reabilitar a imagem da F1. Lembre-se a maior parte do público que acompanha F1 não fica como nós, postando comentários em blog, nó máximo assiste o treino de sábado e a maioria, somente assiste a prova no domingo.

Este comentário foi removido pelo autor.

E mesmo com a saída do Briatore da equipe, acho que ao invés do conselho banir a Renault da F1 acho mais provável que vão banir o Briatore e uma multa para a Renault e/ou uma desclassificação do mundial de 2008 só para constagem mesmo de que alguém será punido.

E mesmo com a saída do Briatore da equipe, acho que ao invés do conselho banir a Renault da F1 acho mais provável que vão banir o Briatore e uma multa para a Renault e/ou uma desclassificação do mundial de 2008 só para constagem mesmo de que alguém será punido.

Também não acredito que Alonso seja severamente punido. Seria dar "um tiro no pé". Mas a FIA deveria tirar-lhe a vitória e aproveitar que a próxima corrida será em Cingapura e entregar os troféus a Nico Rosberg e à Williams. Seria uma "punição" sem maiores consequências...

Este comentário foi removido pelo autor.

Alonso deve ser punido rigorosamente como todos os envolvidos,tai o "melhor piloto do grid",pra tira o tal leite de pedra q ele nunca tirou,precisa q se manipulem toda uma corrida.O que vai impedir dele ser punido eh o Santander,q eh um banco espanhol.Dizer q nao ha nada q incrimine o Alonso eh demais,so o fato dele sai la de tras com essa quantidade de gasolina ja diz tudo,um piloto experiente como ele deveria ao menos questionar isso oras.

@Zuador

se vc tiver alguma prova de aúdio, ou alguma outra testemunha que possa apoiar as acusações do Nelson Piquet pai, sinta-se a vontade. Pq sem isso em nenhum lugar no mundo e inclusive em qualquer tipo de crime, não há como punir.

Só pq ele largou com pouco combustível não é prova contundente, pq ele pode alegar que foi convencido de adotar a estratégia. Já vimos piloto largando em último com pouco combustível e fazendo uma boa corrida. Claro que não ganhou porque não teve um Nelsinho para ajudar. Mas a tática do Alonso não era tão absurda assim. Vc, Fia e Nelson Piquet vão ter que arrumar mais provas para conseguir a cabeça do Alonso.

Além disso, Zuador, vai investigando por conta própria o GP seguinte, no Japão, que o Alonso venceu também... talvez tenha havido alguma circunstância favorável... sei lá... dá uma investigada lá....

Lee e Guilherme,

Excelentes respostas, disseram tudo!

E agora um trechinho do relatório apresentado pelos investigadores da FIA depois de interrogarem o Alonso e outros integrantes da Renault (em espanhol):

"En relación con el Sr. Alonso y los otros ingenieros, los comisarios no han encontrado pruebas que sugieren que sabían algo acerca de los planes para provocar un error deliberado en la vuelta 14. La estrategia de Renault con Alonso era agresiva e inusual, pero los comisarios no han podido concluir que nadie que no fuera ni Nelson Piquet Junior Renault (Piquet), ni el Sr. Symonds y, posiblemente, el señor Briatore tenían conocimiento de ningún plan de accidente deliberado. Esta posición tomada por los comisarios se apoya en la documentación y en las comunicaciones por radio facilitadas por Renault."

Agora, se alguém por aqui tem alguma prova que os comissários da FIA desconhecem, basta mandar pra Paris na próxima segunda-feira e exigir uma "punição severa" ao Alonso. Simples assim.

Acho que a coisa descambou para o lado dos "pró-Alonso" e "anti-Alonso"...

Não acho que é por aí, ainda mais que sou neutro nessa parada... Dizer que o Alonso é ruim como piloto é tão ridículo quanto afirmar que não há provas de que ele sabia da "combinação"...

Estou sendo criticado por querer que a FIA faça justiça... Claro que ela não vai fazer, não faltam "provas" de que ela foi leviana um monte de vezes e deixou passar batido um monte de falcatruas, mas não custa acreditar que um dia, quem sabe, ela tome jeito...

E falei que "talvez" ela pudesse usar o Alonso para iniciar isso porque pela primeira vez na história já há substitutos (sim) para o nome do melhor piloto, neste caso o Alonso... Achar que alguém seja insubstituível é tão ridículo quanto pensar que o "cara" saiu numa estratégia suicida por "acreditar" na possibilidade de um safety car em uma volta específica da corrida!!!

O que posso afirmar é que, eu e um monte de torcedores do automobilismo que não possuem um piloto exclusivo para torcer e querem ver o melhor vencendo, estão muito decepcionados com os rumos que está tomando a carreira de F. Alonso...

Com havia dito (novamente), não há substitutos (não) ou comparação do nome Alonso ao de Vettel, Button, Webber, Kubica, Raikkonen, Massa, Barrichello. Talvez apenas Hamilton possa substituir hoje, o que seria pouco para F1.

E mais, com certeza ninguém é insubstituível, porém existe uma diferença enorme entre uma substituição inevitável (acidente, aposentadoria, etc) e uma substituição evitável. E o "cara" não necessitaria "acreditar" que o safety car entraria em uma volta específica da corrida, poderia acreditar que entraria em qualquer volta antes que os outros parassem nos boxes.

Desculpe discordar Ewerton, mas Alonso está fora da briga por 2 anos e a audiência da F1 está no teto, exceto este ano pela dominância do Button no início do ano, mas que já está sendo revertida... Como disse antes, os nomes citados não se comparam em qualidade com o de Alonso, ainda mais em uma época em que há nivelamento dos pilotos por baixo, mas a competitividade está elevada e isso é o que faz o telespectador parar na frente da TV, e não um nome específico!!!

E sobre a tática de Cingapura, exigia que o Safety Car entrasse na pista após o pit stop do Alonso (volta 12) e antes do pit stop do próximo carro (volta 14 - Kubica e Rosberg), o que dá uma margem muito estreita, ou a estratégia não funcionava... Sem contar o lance dos pneus macios que se degradavam muito rápido e assim ele ficou na pista em primeiro com o melhor pneu!!!

Discordo também!
Desconheço qualquer dado sobre a audiência da F1 em diferentes paises estarem no teto, no Brasil houve sim um grande aumento, mas diretamente relacionado ao desempenho de Massa em 2008 e Barrichello agora. Em compensação na Alemanha, nem 5 pilotos no grid atual geram 1/3 da audiência da época do Schumacher, mesmo com aumento de 1 milhão de telespectadores no início do ano. Ou seja, nome e situação do piloto no campeonato aumentam mais o público do que a competitividade!!!

Sobre Cingapura, a estratégia de Alonso não era inicialmente a vitória. Saindo com o tanque cheio ou vazio ele não venceria em circunstâncias normais. A estratégia poderia ser elaborada para que ultrapassasse seus adversários mais próximos como Heidfeld, Nakajima, Trulli, Button, Webber, Coulthard que estavam pesados. Rosberg e Kubica estavam bem mais à frente. Esse é o problema todo, todos avaliam que ele saiu vazio para vencer, mas ele poderia apenas querer ganhar algumas posições a sua frente para chegar em 8°, 6°, sei lá. Sobre os pneus, pelo menos em seu carro, os extra-macios que ele largou não rendiam tão bem quanto os macios.

Audiência da F1 no teto??? De onde tirou isso, B'Hengler??? E pra piorar, autódromos e autódromos vazios. Me desculpe, mas acho que essa sua teoria está furada.

E mais uma observação: a parada do Alonso não era na volta 12, ela foi antecipada pelo Sr. Pat Symons...

São o currículo dos pilotos que mantém as arquibancadas e a audiência na TV. Alonso traz toda a audiência casual da Espanha, tanto que o Bernie arrumou dois Gps no país dele.

Se o Kubica não tivesse feito uma ótima temporada passada, não teria atraído os poloneses para a F1.

De fato essas últimas temporadas de disputa acirrada despertou um maior interesse principalmente dos países de origem dos pilotos envolvidos. Mas é igual novela das oito, pode nem acompanhar todos os capítulos mas faz questão de assistir as duas últimas semanas.

Desculpem: pode até ser que o Alonso não soubesse antes da corrida, mas não soube depois? Isso me parece um tanto ingênuo de se afirmar, já que estamos falando de um ambiente onde ninguém é santo (conclusão tirada das mensagens acima).

Não há provas que liguem Fernando Alonso a esse escândalo diretamente. Ok, isso é um fato e que serve de balisa para eventuais julgamentos com o fim de se punir.

Agora, paixões a parte, vocês realmente acreditam que Alonso não ficou sabendo de nada? Em nenhum momento?

Assistam novamente o VT da corrida, na íntegra. A coisa foi perfeita demais para ser simples coincidência. O fato isolado de Pat Symonds ter chamado Alonso antes no rádio não quer dizer nada, da mesma forma que a telemetria sozinha também não é prova cabal de que a coisa aconteceu. Certamente houve mais fatos que, acrescentados a esses dois, fizeram que Symonds e Briatore fossem demitidos.

Se realmente acreditam que Alonso, até o final de agosto desse ano, não sabia eu também posso acreditar que a Ferrari obrigou Barrichello a entregar a vitória na Austria a Schumacher e, até prova em contrário, o alemão não sabia, como chegou a afirmar na época (o que, obviamente, não acredito nem que o Papa me confirmasse).

Tem outras "N" corridas que poderia listar aqui com atitudes suspeitas, como, por exemplo, o GP da França de 1999, quando literalmente garfaram o Barrichello por motivos obscuros até hoje (e que não deu muito certo, pois quem ganhou a corrida foi o Frentzen, de Jordan-Mugen). Ou a parada do Irvine sem os pneus em Nurburgring no mesmo ano. Ou então quando Schumacher atravessou seu carro na pista em Monte Carlo impedindo Alonso de fazer a pole (ele disse que errou a freada). Ou ainda quando Alonso se atrapalhou com os botões e impediu Hamilton de fazer a pole na Hungria em 2007. Episódios existem para todos os lados e todos os pilotos.

Acredito que, em boa parte das vezes, o melhor conjunto na F1 vence. Mas não sou ingênuo de afirmar, por conta de um sentimento, que um piloto não sabia de nada. Até porque essa história já corria a boca miúda no padock desde o GP do Japão. Felipe Massa, no final daquele fatídico GP, foi até Briatore com o dedo em riste dizendo "isso não se faz".

Mas Alonso, que foi o grande favorecido, não sabia...

Todo mundo se doeu,incrivel,nao era de espera menos,todos aki sao fãs do espanhol,era de se esperar,mas o fato continua amiguinhos,o Alonso eh macaco velho no circo da f1,claro q ele sabia q a estrategia foi feita pra manipulaçao da certo,claro q tava informado,mas eh claro,vcs podem se negar e dizer q nao,eh extremamente obvio,mas...vai no argumento de ninguem viu,entao nao existe raiva,pq ninguem nunca viu a raiva fisicamente,nao existe inteligencia,pq ninguem nunca a viu fisicamente.Quanto ao comissarios,rsrs,façao-me um favor,rs,ate parece q alguem ia fazer algo pra punir o Alonso tendo o Santander q eh espanhol na f1,rsrs.Guilherme,sinto muito amigao,olha meu tempo eh um bocadinho escasso,tenho muitissima coisa pra fazer,nao vai da pra investigar a vida do Alosinho,desculpa ai meu brother,o que sei eh vc com certeza nao investigaria,pois a verdade ia doer bastante.Lee,nao tenho q arrumar prova alguma alem das evidencias claras do envolvimento ate o pescoço do Alonso,a FIA?rsrs,a FIA nao vai querer perder milhoes de verdinhas,e Piquet?nao eh isso q ele quer,a cabeça q ele qria q rolasse era a do Briatore,abraços a todos

Don, e mesmo que ela tenha ficado sabendo, depois da corrida... o que isso muda??? O que você acha que ele deveria ter feito com essa informação??? O que outro piloto teria feito no lugar dele???

Se ele se cala é um FDP, e se entrega é um FDP também!

E acho que o Briatore não o colocou a par de nada, antes do acontecido, justamente com a intenção de "protegê-lo", e depois porque não havia garantias de que daria certo. E pra uma "armação" dessa se realizar, quanto menos indíviduos envolvidos, maior as chances de sucesso, você não acha?

Ah, e o Alonso não "se atrapalhou com os botões" na Hungria, em 2007... ele segurou o Lewis de propósito mesmo, depois do inglês ter desobedecido uma ordem do chefe da equipe e descumprido o combinado. E ele mesmo admitiu isso.

E Don, se o Alonso fosse "santo", ele não seria campeão do mundo...

Abraço pra você!

Dê, muda sim. Primeiro, muda em relação a boa parte de seus fãs, que encarnam Alonso como o bem contra o mal, este personificado em Schumacher. Em 3 dos últimos grandes escândalos na F1, Alonso esteve envolvido, mesmo que indiretamente, em dois. E não creio que estava apenas no lugar errado e na hora errada.

Segundo, o problema é ele se calar e não tomar a mesma atitude que tomou em relação à McLaren. Mesmo que ele não soubresse de nada, seria motivo mais que suficiente para mandar a Renault às favas, pois ele tem uma imagem a zelar. Seu silêncio não incrimina, mas não ajuda a livrar sua barra.

A Espanha e alguns fãs espalhados mundo adoram Alonso. Mas nunca se esqueça que a F1 é fundamentalmente inglesa, com sede em Paris e apenas uma equipe esteve em todos os mundiais, a Ferrari. Por mais que a Espanha tenha o poder econômico atual junto com alguns asiáticos, Inglaterra e França ainda detém o poder político, sob a batuta de Maranello.

O Briatore que você acha que não contou nada para protegê-lo é o mesmo que há dois anos pediu a cabeça de todos, inclusive pilotos (Alonso e Hamilton), quando estourou o Stepneygate. Então, o que o Briatore faz ou deixa de fazer não importa, pois ele sempre vê o lado dele.

Quanto aos botões, reproduzi o que Alonso disse logo após o treino. Não cheguei a vê-lo afirmar que fez de propósito. Se afirmou, fca clara a incompatibilidade total da idéia de que ele não sabia de nada. Idiota ele não é. Muito pelo contrário...

Bjs.

Uau! Já li tanta coisa que nem sei quem disse o que..rs

mas respondendo à pergunta do Don: Sim, Don, eu acho que existem possibilidades de que o Alonso nao soubesse de nada, como comentei em um dos meus coments desse mesmo post.

Se ficou sabendo depois, foi depois da renovaçao. Mas é como a Denise disse: se fala é FDP, se nao fala também...pois entao, melhor nao falar...

Nao é questao de achar que o cara é santo ou nao, simplesmente que ali eles sao comandados; nao estao no comando.

Priscilla, numa boa, eu acho que é ingenuidade sua, da Denise e de quem mais pensar assim. Então acreditam que Alonso é um mero comandado, que não opina sobre sua estratégia de corrida? É meio incongruente com os elogios que vocês mesmos fazem ao espanhol...

Como não pretendo mais voltar a esse assunto, vou apenas transcrever agora o último parágrafo da coluna do Reginaldo Leme, de hoje, que foi quem colocou na imprensa a notícia desse escândalo:

"O material colhido nos depoimentos é extenso. E o que se tem visto hoje de informações pingando aqui ou ali é resultado do vazamento de informações que fazem parte dos depoimentos. Por exemplo, Nelson Piquet (pai) não deu entrevista alguma, mas apareceu no jornal "Sport", da Espanha, algo que faz parte do depoimento que ele prestou na Inglaterra para os investigadores da Quest, empresa contratada pela FIA, afirmando que Alonso devia ter conhecimento da tramóia combinada, o que parece óbvio. Não deve ser punido porque não é inimigo de Max Mosley, e nem tem uma folha corrida tão extensa quanto a de Briatore."

Acho que não precisamos falar mais nada.

T+.

Peraí, Zuador... de onde saiu essa idéia que aqui só tem fãs de Alonso?!?!? Não estou o defendendo de nada. Nelsinho Piquet mesmo afirmou que, a princípio, Alonso não esteve presente em nenhum momento. O próprio pai só ficou sabendo do ocorrido 3 dias depois e olha que ele sempre acompanhou a carreira do filho de perto.

Agora, reconhecer que o espanhol é sim um ótimo piloto e a importância dele para F1 não é tão difícil assim, a não ser que se use aquela velha frase: “Amigo meu não tem defeito, inimigos, se não tiverem, eu coloco”.

Mas a F1 não é apenas ultrapassagens, vitórias e títulos... existe a polêmica que não a deixa morrer... igual ao futebol. Meus ídolos na F1: Senna e Piquet.... apenas. Esses eu pude assistir e acompanhar...

Estava só te ‘zuando’, cara... o tempo de todo mundo que debate aqui é precioso. Principalmente da Pri, que ainda nem colocou post novo pra mudar a direção da prosa... he he he ....

Abraços!

Don,

A F1 não é mais fundamentalmente inglesa, muito menos sua sede em Paris é tão importante, já q nem GP da França tem mais. A FIA sim pode ser fundamentalmente inglesa, mas as verdinhas vem do mundo. O presidente da FIA não mais se enriquece por conta da federação inglesa, alemã, francesa e italiana. Mas sim pelo negócio do automobilismo mundial (não mais automobilismo europeu).

A Europa continua sendo um palco importante e principal, mas cada vez mais está perdendo poder e isso se reflete nos inúmeros negócios do Bernie Ecclestone, sempre procurando novas fronteiras e consumidores.

Como o Damon Hill mesmo falou, se sempre houve casos escusos. Até mesmo na época de ouro que vc tanto guarda com carinho.Se a FIA quer começar a caçar as bruxas que tivesse começado com o Nelsinho, ao invés de ter dado delação premiado quando no depoimento ele jura que fazia isso de forma puramente voluntária.

Tudo bem Guilherme,tipo,eu nao axo q Alonso seja um piloto ruim,e tem sim sua importancia na f1,mas ta longe de ser o monstro nas pistas q muitos colocam,nao eh o melhor piloto desse grid de maneira alguma,Hamilton nao me deixa mentir.Quanto ao casada renault,o Alonso de bobo nao tem nada,tudo bem se ele nao tivesse presente,mas...pode ter sido comunicado antes ou depois,as evidencias apontam pra isso,claro,ele vai alegar q nao sabia,nao eh bobo de se suja quanto pode sair limpinho limpinho,pra essa historinha toda ter dado tao certo,sem dubvida o Alonso tava muito bem informado,e ficou todo do lado de Briatore,na certa com medo de se acusa-lo sobrar pra ele,engraçado,se ele eh o melhor do grid nao pq temer pro seu emprego nao axa?Entao o comentario da Denise de q se ele fala eh um FDP e se num fala eh tbm cai por terra,assim como dele nao esta no comando q a Pri mencionou,se ele fosse o melhor do grid nao tinha pq se preocupa,sempre abririam novas portas ,pq ele devia se preocupar tanto?Axo q ele ta longe de ser o pilotaço pintado pelos fãs,geralmente os comentarios de defesa a Alonso vem vindo de fãs,se vc num eh,no minimo eh um piloto o qual vc se identifica.Vcs todos tem direito a ter suas opinioes,respeito,mas mantenho minha posiçao,pena q isso tudo vai acabr em pizza,abraços

Ainda nao troquei o post pq o tema tá interessante...rs

E graças a Deus, sabemos discutí-lo com educaçao e respeito...

Sobre o tema Don,pode ser questao de interpretaçao das informaçoes que temos disponiveis, nao sei. Ainda concordaremos em algo um dia...rsrsrs

Vou postar algo pro fim de semana! Sem falar que ainda tenho postar as notas do Troféu...pffff

Don, mandar a Renault às favas e ficar sem equipe??? Dedurar a equipe que, como várias outras já fez várias cagadas, mas que também lhe proporcionou conquistar seus dois títulos mundiais??? Só se ele estivesse louco!!!!!!

E podemos até ser ingênuas, mas em contrapartida, tem muita gente por aí enxergando chifre em cabeça de cavalo.

Gosto muito do espanhol, Don. E por vários motivos. E se não há provas concretas contra ele, sem dúvida opto por confiar na sua palavra. É uma questão de ponto de vista.

Ah, e sobre a coluna do Reginaldo Leme, uma observação: o Piquet (pai) deu uma entrevista pro The Daily Telegraph, ontem, dia 18, com um discurso um pouco diferente sobre o "envolvimento" do Alonso no caso. Um trecho:

"Piquet, the triple world champion, was unequivocal when he claimed the double world champion "knew everything" about the plan for his son, Nelson Piquet Jnr, to crash in last September's Singapore Grand Prix. (...)
"If you are 15th on the grid at a street circuit, there is no point going out with no fuel," the Brazilian had said. "At most you will pass three cars and after your last stop you stay where you are. It's a senseless strategy."
Now Piquet has backtracked slightly, although he still maintained that he considered it unlikely Alonso would have been totally in the dark.
"All I said was that an intelligent driver like Alonso would ask questions if his team told him to come in to pit after 12 laps from 15th on the grid," Piquet said. "As a driver I would have suspected something, so I can imagine only with difficulty that Fernando didn't know anything."

Se quiser dar uma olhada na matéria toda, o link é http://www.telegraph.co.uk/sport/motorsport/formulaone/6203772/Singapore-crash-Nelson-Piquet-Snr-takes-step-back-from-Fernando-Alonso-allegation.html

Beijo,

Dê,você traduziu mesmo esse texto? Ele apenas confirma o que eu já escrevi. Está aí, "ipsis literis", que Piquet afirma que o "bicampeão sabia de tudo", que é pouco provável que Alonso não sabia de nada e que um piloto inteligente como o espanhol questionaria a equipe se, mesmo não sabendo de nada, fosse chamado para os boxes tão cedo e que era uma estratégia de pouco senso (para mim, nenhum senso mesmo).

Não é questão de procurar chifre em cabeça de cavalo Dê. É de ser incongruente com o que acontece na F1 só porque estamos falando de Fernando Alonso. Fosse outro piloto, pedras choveriam. Uma coisa é não ter provas para punir o espanhol (ou não querer punir). Outra é dizer que ele nunca soube, já que essa história já corria há muito tempo no padock.

Mas se você quer acreditar, é um direito seu. Só para finalizar, eu também acredito que Prost não viu Senna em 1989, que Senna errou nos pedais no ano seguinte, que Schumacher não sabia das trocas de posição com Barrichello, que Piquet pai não sabia da caixa d'água e a diferença de lastro na sua Brabham de 1982...

Bjs!

A falta de seriedade da FIA com a parte ética nos esportes que ela fiscaliza é que torna todas essas picaretagens coisas normais. Sim, normais a ponto de ser banais.

Na época todos do paddock suspeitaram de que a batida do Piquet foi forçada, e claro que o Alonso nunca não teria suspeitado. A própria FIA que alguns querem que se torne uma inquisitora, não quis nem saber de investigar os rumores de que a vitória do Alonso foi arranjada. Somente a briga entre Briatore e Mosley no primeiro semestre e a denúncia do Piquet é que a FIA deu atenção ao caso. Mas em nenhum momento a entidade levou o caso com seriedade e imparcialidade ao dar delação premiada para Symonds, Piquet (só faltou oferecer para a Renault).

Na verdade não deveria nem começar pelo Piquet para limpar a sujeira que toma conta da F1. Mas sim por ela mesmo. Talvez com a eleição do Vatanen, algo possa mudar.

Pois Lee...

Mas se ganhar o Jean Todt a coisa piora bastante...

Pensa!!!

Senhores, o Vantanen é o melhor nome, mas não há qualquer delegado de peso que apoie essa candidatura. Salvo algum acontecimento extraordinário, vai dar Todt.

Don, é uma pena não podermos conversar pessoalmente sobre esse assunto, porque acho que simplesmente não consigo me fazer entender...

É óbvio que traduzi o texto, e o Sr. Nelson Piquet mudou sim o seu discurso sobre o caso. Não afirmando que o Alonso não sabia de nada, mas sim deixando claro que esta é a visão DELE sobre o fato, e não uma verdade absoluta e inquestionável como ele havia afirmado inicialmente. Portanto, mudou!

E, tentando explicar mais uma vez, não disse que o Alonso não teve conhecimento da "armação" em momento algum, mas acredito sim que essa informação não chegou até ele antes da corrida. E vindo depois, o espanhol simplesmente não tinha o que fazer com ela, pelos motivos que já mencionei anteriormente.

Vamos aguardar amanhã e ver o que ele dirá no tribunal em Paris. Quem sabe não surge alguma nova informação, não é mesmo?

E Don, não acho que (hoje) exista no grid algum piloto isento de "pedradas". Muito menos o Alonso.

Beijo,

Bacana este post...exercitou bem a capacidade de argumentação dos leitores de seu Blog Priscila, e inclusive gostaria de chamar a atenção para o bom nível dos argumentos aqui apresentados...diferente de outros blogs onde a baixaria tem espaço maior...Mas voltando ao assunto hj na brawn gp que tá disputando título um piloto sabe tudo sobre a estratégia de outro, acertos,etc... o rubinho mesmo disse que as informações são muitas...então acho impossível o Alonso não saber de nada antes da prova, mas, assim como o Nelsinho, ele era apenas um subordinado e no melhor das contas era favorecido, então td ok...!

Nao eh uma questao de ponto de vista,e sim de ausencia de visao acreditar q o chatonso nao sabia de nada

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More